Como construir uma relação saudável com os filhos?

Manter uma relação saudável com nossos filhos é algo que exige tempo e dedicação. Muitas vezes perdemos a paciência, mas é preciso manter a calma, pois fases vêm e vão, e depois da tempestade, sempre vem a calmaria. Hoje vamos falar sobre como construir uma relação saudável com os filhos. Continue lendo para ter acesso a algumas dicas para melhorar essa desafiadora relação.

Como construir uma relação saudável com os filhos

Toda relação deve ser uma via de mão dupla, onde o respeito e demais fatores, os quais serão citados abaixo, sejam recíprocos. Construir uma relação saudável com os filhos deve seguir os mesmos trilhos, afinal, a convivência é diária e familiar.

Vejamos alguns dos fatores essenciais para construir uma relação harmônica:

1- Respeito

Vamos começar falando sobre respeito, que é primordial em qualquer relação. É preciso estabelecer limites, principalmente quando trata-se de relação com os filhos. É essencial que essa educação não seja de forma autoritária, caso contrário, as chances de impactar negativamente a relação serão enormes.

Respeito não é uma barreira invisível entre pais e filhos, como muitos pensam, mas uma relação onde ambos sabem até onde podem chegar e fazem o possível para não magoar o outro.

Construir uma relação saudável com os filhos exige calma como pré-requisito. Quando algo sair dos eixos, o melhor a se fazer é sentar e conversar, ao invés de criar uma discussão. O intuito é fazer os filhos entenderem o erro, os motivos e, então, contornar a situação. Dessa forma, evita-se que haja a repetição desses episódios.

12 Brincadeiras de Infância

12 Brincadeiras de Infância – baixe nosso ebook

Há coisa melhor que aproveitar o final de semana com os filhos? Existe uma diversidade de brincadeiras que marcaram nossas infâncias e podem aproximar pais e filhos. Nesse sentido, preparamos um material para “refrescar” sua memória.

Brincar é uma atividade imprescindível para o desenvolvimento motor e a formação da criança. O tempo compartilhado com seu filho estabelece vínculos estáveis e duradouros.

Baixe nosso Ebook agora mesmo →

2- Atenção

Atualmente, a falta de atenção vem sendo um problema para muitas famílias. Sabemos o quão difícil é chegar em casa depois de horas de trabalho e ter que direcionar a atenção aos filhos diante de tantas tarefas esperando para serem concluídas. No entanto, é algo indispensável.

Independente da idade, toda relação requer atenção, mesmo nas pequenas coisas. Demonstrar atenção é uma forma de mostrar-se presente, atento ao que acontece, às mudanças e necessidades do outro. Contudo, nem sempre você conseguirá dar a atenção desejada aos pequenos. Não se culpe por isso, desde que não se torne um hábito.

Demonstrar atenção aproxima as pessoas e, sem dúvidas, auxilia a construir uma relação saudável com os filhos. Portanto, demonstre interesse pelos pequenos, pergunte como foi o dia deles e/ou o que aprenderam de novo na escola. São gestos simples, mas que farão toda diferença para construir uma relação positiva com seus filhos.

3- Empatia

Dias ruins, altos e baixos, mudanças de humor; tudo isso são coisas que fazem parte do comportamento humano. Ter empatia é saber lidar com esses momentos de forma leve e positiva; é saber que os momentos ruins são passageiros e a estabilidade emocional tende a retornar. Tenha compaixão ao invés de “dar uma bronca” e piorar de vez a situação. Agir de maneira impulsiva em um momento delicado só fará com que os filhos reprimam-se e/ou afastem-se, e não é isso que você quer, correto?

Os jovens estão em constante mudança e, muitas vezes, podem precisar de um auxílio. Tentar enxergar o ponto de vista deles pode auxiliar nesse processo. Procure entender que você também já passou por esses momentos e é normal passar por fases difíceis.

O desenvolvimento é dividido em etapas e ninguém quer passar sozinho por elas. Portanto, estimule seus filhos sempre que possível, dê uma palavra de incentivo, conselhos construtivos e positivos. Empatia é um ato de amor e carinho com o próximo.

4- Disposição

Educar nossos filhos demanda tempo, o que pode tornar-se cansativo em muitas ocasiões. Mesmo depois de um dia exaustivo, é necessário ter disposição para saber sobre o andamento na escola, atividades que precisam ser feitas e até mesmo para conversas mais descontraídas.

Ao demonstrar interesse no dia a dia dos pequenos, você estará indicando ter disponibilidade para o que for preciso, mesmo que seja para ir a um torneio de futebol (⚽️) num domingo de manhã ou uma apresentação de ballet (💃) numa sexta à noite. E tenha certeza de uma coisa, participar desses eventos fará TODA a diferença para construir um relacionamento positivo com seus filhos.

Confira também 👉 Ler para os filhos, dicas e motivos para começar agora

5- Comunicação

Comunicação é a chave para qualquer relacionamento. Sem ela é impossível saber o que se passa no outro lado. Através da comunicação é possível construir uma relação sólida e com mútua confiança. Use o diálogo a seu favor, exponha seus pensamentos, opiniões e sentimentos. A conversa auxiliará para que a aproximação ocorra de forma natural, além de criar um vínculos mais fortes.

Não podemos deixar de lembrar que comunicação não se resume apenas a palavras, mas também as atitudes. O contato físico também é uma forma de comunicação, como carinho e gestos de afeto.

6- Paciência

Lidar com as diferenças, dias ruins, coisas que não saem como o imaginado, entre outras coisas, exige muita paciência; principalmente quando esses eventos estão associados ao relacionamento com nossos filhos. Em muitas ocasiões como essas, respirar fundo e manter a calma é a melhor escolha a se fazer.

Uma relação é construída de pequenos passos e é preciso ter calma para percorrer esse caminho junto com nossos pequenos. Ter calma é essencial, afinal, nessa jornada haverá muita oscilação de humor, picos de estresse e hormônios passando por muitas alterações.

Esses são alguns fatores essenciais para construir uma relação saudável com os filhos. Esperamos que você consiga dedicar-se à desafiadora missão de construir uma relação positiva com seus filhos. Esperamos que você tenha gostado da leitura e nos encontramos no próximo post.

👉 Nos acompanhe no Instagram!

Ensino Fundamental 1 - do 1º ao 5º ano

Ensino Fundamental 1 – do 1º ao 5º ano

O ingresso no Ensino Fundamental é um momento desafiador não só para o aluno, por estar se aproximando de um novo universo de conhecimentos e experiências, mas também para os familiares, que necessitam apoiar a criança na transição da Educação Infantil para o Ensino Fundamental. O Colégio Geração desenvolve atividades e propicia um ambiente escolar que auxiliam o aluno no processo de adaptação a esta nova etapa.

Conheça nosso projeto pedagógico para alunos do Fundamental 1 →

19/09/2019
Jade Zart